Descubra a maneira correta de montar placas solares no telhado com excelentes opções de materiais para diminuir custos com energia

Fazer a instalação de placa solar é sinônimo de buscar economia nos custos. Não é à toa que essa modalidade ganhou terreno nos últimos anos. Em 2022, a expectativa é de um crescimento de 60% em todo mundo, segundo a IEA (Agência Internacional de Energia). 

Essa redução nas contas pode chegar a até 95% ao fim do mês, mas pensar em energia solar também remete a outros pontos essenciais, como por exemplo, analisar o tipo de estrutura do telhado em que vai acontecer a instalação. Geralmente, as mais comuns utilizadas em residências e indústrias são as telhas de fibrocimento.

Fabricadas com fibras sintéticas e cimentos, estes tipos de telhas oferecem maior resistência por serem materiais fortes. Além disso, apresentam facilidade e praticidade na hora da instalação, o que proporciona maior rapidez ao processo.

Quer saber o jeito correto de como montar placa solar no telhado? Continue a leitura do texto e saiba o que fazer para garantir segurança e a máxima performance dos painéis fotovoltaicos em telhas de fibrocimento.

O que são estruturas fotovoltaicas?

Você certamente já viu painéis solares responsáveis por captar a energia solar, presentes em residências e empresas. As estruturas para módulos fotovoltaicos são os locais aonde acontece a fixação desses painéis.

Um sistema fotovoltaico pode ser dividido em três partes:

  • Painéis fotovoltaicos;
  • Inversor fotovoltaico;
  • Estrutura de fixação.

Os painéis têm função vital no sistema fotovoltaico. São responsáveis pela captação de energia solar e a conversão em energia elétrica. Devem ser extremamente resistentes, pois ficam expostos às condições climáticas, como sol em excesso, chuvas e baixas temperaturas.

Painéis solares são vitais dentro do sistema fotovoltaico

Os painéis solares devem estar bem fixados para garantir eficiência e segurança.

Já o inversor é chamado de “coração” de toda estrutura e sua principal função está em converter a corrente contínua em corrente alternada. Desse modo, ajuda a medir a quantidade de energia produzida, além de indicar se tudo funciona corretamente.

Por último, a estrutura de fixação desempenha outro papel muito importante. O trabalho consiste em sustentar todo peso do sistema, além de fazer com que os módulos sejam posicionados e instalados de maneira correta. Dá então para você ter maior segurança e máxima eficiência na obtenção de energia.

Conheça como funciona a energia solar

Instalação de placa solar: passo a passo

Muito comuns em casas, indústrias e galpões, as telhas de fibrocimento são onduladas e possuem diferentes tamanhos. Isso exige atenção na hora de instalar as placas de energia solar para evitar dores de cabeça e minimizar o risco de problemas.

Planejamento e estudo são essenciais ao longo do processo. Desse modo, a montagem de toda estrutura precisa seguir alguns passos determinados com antecedência.

1º passo: local de instalação

Você deve saber onde o sistema fotovoltaico vai ser instalado. É fundamental ter técnicos e especialistas para auxiliar ao longo do processo. Posição do sol, localização e o tipo de telhado fazem diferença em como tudo vai acontecer. 

Para que isso ocorra da melhor forma possível, você tem que ter um projeto de instalação de placa solar. Assim, os profissionais sinalizam por meio de desenhos a respeito da montagem. Tudo deve estar na ponta do lápis e em planilhas para melhor visualização.

2º passo: estrutura do suporte

A montagem da estrutura do suporte deve acontecer primeiro em solo e depois posta no telhado. No caso de telhas de fibrocimento, a fixação deve ter o auxílio da haste para energia solar, que é instalada na onda alta do telhado para garantir correta vedação.

Esse tipo de haste não tem cabeça, possui uma chave sextavada que auxilia na instalação. Além disso, apresenta dois tipos de rosca diferentes. A primeira se encontra na face superior, chamada rosca métrica, onde são instaladas as porcas para fixação dos suportes.

A outra é a rosca que irá fixar na estrutura, que pode ser rosca tipo Soberba quando o substrato for madeira, e rosca tipo Auto Atarraxante quando o substrato for metal.

Usar os fixadores Ciser para energia solar garante qualidade e durabilidade para o sistema, pois as peças são fabricadas 100% em aço inox, promovendo desta forma maior vida útil.

3º passo: trilhos

Os trilhos terão papel essencial durante a instalação, pois vão ser responsáveis por encaixar os painéis. Essas estruturas pré-fabricadas garantem que as placas sejam fixadas no local com maior incidência solar. Podem ser instalados com Parafusos Cabeça Martelo da Ciser.

Instalação de placa solar em telhado de fibrocimento

O fibrocimento é um material delicado, por isso, precisa do fixador certo para a instalação de placa solar

4º passo: instalação de placa solar

Com a estrutura do suporte e os trilhos prontos, já postos no telhado, o próximo passo é a instalação das placas. Elas devem entrar de maneira perfeita e com um bom alinhamento, sem ter a necessidade de forças para não causar danos ou rupturas.

A boa fixação por meio de um fixador resistente e durável faz toda diferença na eficiência de todo sistema fotovoltaico. Se isso não acontecer, a captação pode acontecer de forma incorreta e prejudicada, além da possibilidade de acidentes com chuvas ou ventos intensos.

5º passo: últimos detalhes

Finalizadas as outras etapas de instalação de placa solar, é hora dos ajustes finais. Isso significa conectar painéis ao inversor e também à rede elétrica da casa ou empresa. Essa etapa deve ser feita apenas pelo responsável da parte elétrica. 

Itens de fixação para montar painéis solares

Existem diferentes tipos de fixadores que podem ser usados na hora de montar as estruturas para painéis solares. Ao mesmo tempo, cabe a especialistas e técnicos decidir qual deve ser o tipo usado em cada situação.

É possível citar alguns modelos, como:

Conjunto de haste

Formado pela haste em inox 304, contempla três Porcas Sextavadas Flangeadas e Arruela de Vedação em EPDM. É essencial para fixar o suporte na estrutura do módulo solar, principalmente em telhados formados por telhas de fibrocimento. Permite bom controle de altura e aperto no sistema fotovoltaico.

Parafuso Cabeça Martelo

Como o próprio nome diz, este produto tem uma peculiaridade: devido à geometria de sua cabeça, lembra um martelo. Sua cabeça tem este formato para promover um melhor encaixe em locais como trilhos, grampos e suportes de fixação. Utilizando em conjunto com porcas.

Arruela

Existem vários tipos, como dentada, lisa, de pressão, entre outras. Deve ser usada em conjunto com parafusos e porcas. Ajudam a aumentar a área de contato e, assim, evitar o afrouxamento dos fixadores, diminuindo os riscos de acidentes, como o desprendimento das placas solares.

Parafuso sextavado 

Outro item fundamental para sustentação e segurança na instalação dos painéis. Garante a estabilização de peças em maior rapidez. Sua cabeça sextavada possibilita aplicações de maior torque. Há de diferentes tipos, como rosca soberba e métrico

Porcas 

Ideal para auxiliar na fixação, são utilizadas em conjunto com parafusos e barras roscadas. Podem ter seu formato sextavado ou quadrado

Soquete sextavado

Feitos para auxiliar na instalação e remoção (se necessário) de parafusos, hastes e porcas. Possuem chave sextavada que se encaixa perfeitamente no produto a ser instalado. Assim, oferece maior facilidade e praticidade ao processo de instalação.

Saiba mais sobre fixadores usados na construção civil

Como montar placa solar no telhado com segurança

Existem formas de garantir a segurança na hora de realizar a montagem de um sistema fotovoltaico. Esse ponto sempre deve ser prioridade, independente se for com telhas de fibrocimento ou qualquer outro tipo de telhado, ou edificação do projeto.

Nunca faça nada do processo sozinho. A menos que você tenha conhecimento e seja um técnico ou engenheiro especialista no assunto, um profissional deve te auxiliar. Há especialistas qualificados para todas as etapas.

Montar a estrutura com segurança passa também por escolher fornecedores certos. Desse modo, ter a capacidade de selecionar os melhores produtos para trabalhar. Minimizando assim a possibilidade de acidentes que podem causar prejuízos.

Entre os problemas, podemos citar:

  • Choques elétricos causados por curtos;
  • Incêndios causados por erros elétricos;
  • Desabamentos pelo telhado não aguentar o peso;
  • Placas solares que se soltam por não estarem bem fixadas;
  • Infiltrações devido à má colocação do sistema fotovoltaico.

Ter segurança no momento de instalação de placa solar passa por profissionais qualificados, bem como uso correto de fixadores. Isso ajuda a minimizar riscos de acidentes que podem afetar o desenvolvimento do projeto e a captação de energia.

Conheça a linha completa de fixadores da Ciser para energia solar.

Panorama da Geração Distribuída no Brasil