Visando aperfeiçoar e suprir algumas necessidades das conexões anteriores, surgiu a antena 5G.

Desde o avanço da tecnologia e a evolução da sociedade, a internet móvel passou por diferentes transformações, dando origem às conexões 1G, 2G, 3G e 4G.

A quinta geração de conexões de internet oferece muitas vantagens, como rapidez no acesso, alcance com cobertura maior e interconexão entre outros equipamentos na indústria. O 5G também representa um salto para o agronegócio, pois permite o uso de diferentes tipos de tecnologia no campo, aperfeiçoando o monitoramento das atividades e aumentando a competitividade dos produtos nacionais.  

A economia está otimista para a instalação das antenas 5G. Em um estudo realizado pela Nokia e Omdia, foi apontado que a tecnologia pode render até R$5,5 trilhões para o país nos próximos 15 anos. 

Para que todos os benefícios dessa tecnologia se concretizem e o país avance na instalação das antenas 5G, algumas barreiras ainda precisam ser quebradas. 

Confira tudo sobre esse assunto! 

Saiba como funciona a conexão 5G

Assim como as conexões anteriores, as antenas 5G funcionam por ondas de rádio. No entanto, enquanto as redes 4G atingem 5 Mbps por segundo, com uma performance máxima de 100 Mbps, a rede 5G pode atingir uma velocidade maior, variando de 1 a 10 Gbps por segundo.  

A proposta para as redes 5G no Brasil é que sejam capazes de distribuir os sinais de quarta e quinta geração. Para distribuir esses sinais, as operadoras de telefonia móvel irão disputar pelas frequências em um leilão organizado pela Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). 

Essas frequências funcionam como uma espécie de “faixa no ar”, por onde os sinais das operadoras são transmitidos. É necessária uma calibragem desses sinais dentro das faixas para evitar que o sinal de uma se misture com o da outra e cause uma interferência. 

As redes 5G representam uma grande evolução para a banda larga sem fio. Conheça algumas expectativas para essa tecnologia:

  • Grande impacto na vida das pessoas e das indústrias em diferentes setores, como: agricultura, saúde, educação, automobilístico e etc;
  • Baixa latência, ou seja, tempo de atraso em que uma informação é capturada e o momento em que é exibida para outros dispositivos – média de 1 milissegundo;
  • Aumento do número de aparelhos conectados por área – 50 a 100 vezes maior;
  • Tempo de conexão entre aparelhos móveis inferior a 5 milissegundos, diferente das redes 4G com latência de 30 milissegundos.

Panorama da instalação de antenas 5G no Brasil  

Ao redor do mundo, diversos países já adotaram a tecnologia 5G. Conforme os dados divulgados pela empresa Viavi Solutions, a China lidera o ranking, sendo o local com mais pessoas conectadas ao 5G. Em seguida, estão os Estados Unidos e as Filipinas. 

Apesar do Brasil ser o primeiro país da América Latina a se movimentar para ter rede 5G, essa tecnologia ainda caminha a passos lentos por aqui. Mas, enquanto ocorre o leilão junto às operadoras, 7 capitais já possuem infraestrutura para receber as antenas 5G.

Confira quais:

  • Boa Vista/ RR;
  • Brasília/ DF;
  • Curitiba/ PR;
  • Fortaleza/ CE;
  • Palmas/ TO;
  • Porto Alegre/ RS;
  • Porto Velho/ RO.
Conexão sem fio de antena 5G

Comunicação sem fio é facilitada com antena 5G

5G e Internet das Coisas: entenda a relação  

A indústria 4.0 tornou muitos processos produtivos mais eficientes, valorizou os produtos e aumentou a competitividade dos negócios. Essa inovação também fortaleceu o avanço tecnológico dentro das fábricas, permitindo o uso de inteligência artificial, robótica e da internet of things (IoT), ou seja, internet das coisas. 

O termo IoT, bastante utilizado atualmente, se refere à interconexão digital dos objetos com a internet, reunindo e compartilhando dados. No setor industrial, a IoT pode ser aplicada em diferentes processos dentro e fora das fábricas. Mas, para se tornar realidade, são necessárias antenas 5G. 

A tecnologia 5G irá impulsionar a internet das coisas e permitir uma nova rotina de trabalho para vários setores. Na agricultura, por exemplo, será possível gerenciar os processos no campo de forma mais eficaz com tratores automatizados, sensores que monitoram a umidade do solo, entre outros. 

Veja sobre a agricultura 4.0 e a revolução tecnológica no campo.  

Conheça os impactos da tecnologia 5G para a indústria

Apesar do avanço tecnológico já estar presente no setor industrial, em muitos locais, o Wi-fi ainda não alcança todas as áreas da empresa. Com as antenas 5G, será possível uma utilização mais eficaz da internet das coisas pelas indústrias, trazendo diferentes benefícios. Veja quais! 

Velocidade maior na transmissão

Com a rapidez no compartilhamento dos arquivos, muitas empresas irão depender menos de memórias internas e grandes processadores, utilizando mais os espaços das nuvens. Com um melhor desempenho, os arquivos nesses softwares e plataformas poderão ser usados como se estivessem no próprio dispositivo.

Baixa latência e eficiência 

Muitas empresas utilizam câmeras de segurança sem fio e com transmissão em tempo real. Com o uso da tecnologia 5G e a diminuição da latência na transmissão dos dados, esse monitoramento se tornará mais eficaz com imagens recebidas em um intervalo de tempo menor.

Conexão simultânea de mais dispositivos

Com a utilização da antena 5G, será possível que a indústria conecte vários dispositivos ao mesmo tempo, compartilhando informações, documentos e demais arquivos entre si, em tempo real. Isso pode impactar a maneira como as empresas interagem internamente e a cadeia produtiva. 

Conexão de máquinas inteligentes

Outro benefício proporcionado pela rede 5G é conectar máquinas inteligentes, ou seja, movidas por Inteligência Artificial ou Internet das Coisas. Dessa maneira, é possível otimizar o tempo de resposta de vários comandos, automatizar tarefas, aumentar a produtividade e reduzir perdas.

Saiba mais sobre os desafios e as oportunidades da inovação industrial

Principais dificuldades para a instalação das antenas 5G no Brasil

Para que as empresas possam desfrutar de todas as vantagens que a quinta geração de conexões proporciona e melhorar seu desenvolvimento e competitividade no mercado, alguns desafios no Brasil precisam ser superados.

Conheça algumas das dificuldades enfrentadas para a instalação das antenas 5G. 

Investimento bilionário

Trazer essa nova tecnologia para o Brasil teve um custo bem elevado, em torno de R$47,2 bilhões, de acordo com os dados divulgados pelo portal Olhar Digital. Grande parte desse investimento será destinado à infraestrutura das antenas 5G. 

Leilão das operadoras

Outro fator responsável pelo atraso da instalação das antenas 5G foi o leilão realizado com as operadoras de telefonia móvel. Com Claro, Tim e Vivo sendo divulgadas como vencedoras, a perspectiva é que a nova tecnologia já comece a ser implementada aos poucos para entregar velocidades maiores

Licenciamento para instalação das antenas

O número de antenas necessárias para garantir o bom funcionamento e velocidade do 5G é maior que o volume utilizado atualmente pelo 4G. Por isso, é preciso que os governos municipais e estaduais disponibilizem licenças para a instalação dessa nova conexão. 

Enquanto a antena 5G ainda está sendo instalada por aqui, aproveite para acompanhar outras novidades que irão impactar a sua empresa. No blog da Ciser tem sempre conteúdos atualizados sobre a indústria, confira! 

Produtos mais vendidos na Ciser