Entenda por que é necessário ter um mix de produtos e saiba o que você deve considerar na hora de montar o seu.

Ter um bom mix de produtos é essencial para o sucesso do seu varejo. A escolha dos itens certos impacta diretamente o número de vendas e de consumidores que retornam à loja, afetando áreas como logística, marketing e gestão de estoques.

Essa escolha, como você deve imaginar, deve ser feita com bastante cuidado. Embora muitos pensem que quanto maior a variedade de itens e linha de produtos, melhor está o negócio no mercado, essa não é a realidade.

Para escolher o catálogo de mercadorias é importante ter um bom planejamento e considerar vários fatores, como o porte da empresa, o tipo de produto que ela oferece, o perfil dos consumidores e a área do negócio. Assim, é possível definir um mix coerente com as demandas dos clientes e a identidade do negócio.

Neste artigo, entenda a importância do mix de produtos para a sua loja. Mas, antes, vamos entender o que é esse conceito?

O que é mix de produtos

O mix de produtos é um conceito do marketing que se refere à variedade de itens e serviços disponibilizados por um negócio. Empresas que conseguem ter uma boa abrangência, com itens segmentados para os perfis dos clientes, têm vantagens valiosas entre a concorrência.

Isso porque, se você conhecer bem o seu público-alvo, poderá escolher, por exemplo, os itens mais procurados pelos seus clientes e investir em opções compatíveis com os gostos e as características deles. Ao mesmo tempo, pode deixar de lado materiais que não são muito consumidos.

A definição do mix de produtos em materiais de construção

Nas lojas de produtos de construção, não basta ter apenas materiais muito usados para fazer ajustes em casa, como fitas e peças para manutenção. É importante pensar em profissionais da área e pessoas que pretendem fazer mudanças maiores, como obras ou construções.

Muitas vezes, o cliente chega até a loja sem conhecer marcas e produtos específicos, então precisa da ajuda de profissionais para encontrar os produtos certos. Mas, mesmo nesse caso, o seu ponto de vendas deve oferecer tudo o que for necessário para construir a cozinha ou o banheiro dos sonhos.

As home centers, grandes lojas de materiais de construção, têm se destacado no Brasil. Elas atraem muitos clientes por terem uma grande variedade de produtos e modelos disponíveis. Assim, quem tem um projeto de construção sabe que, se for a uma home center, provavelmente encontrará todos os materiais que precisa.

Por outro lado, em lojas menores não é possível armazenar tantas mercadorias. Nesse caso, pensar no mix de produtos é ainda mais importante, pois montar um catálogo com ofertas adequadas para o perfil dos clientes não pode ser baseado em tentativa e erro.

O que considerar na hora de montar o seu mix de produtos

Agora que você já entende a importância de ter um bom mix de produtos na sua loja, veja o que você não pode deixar de considerar na hora de construir o seu catálogo.

Necessidades dos clientes

Como mencionado, compreender o seu público é fundamental para montar a oferta de produtos. Levar em consideração as necessidades do cliente é uma forma de se preparar para oferecer tudo o que ele precisar — mesmo que ele ainda não esteja ciente dessa necessidade.

É comum que pessoas cheguem a uma loja de construção sem saber exatamente o que precisam. Por isso, pesquise que tipo de projetos os seus clientes mais fazem, os materiais mais usados e procurados e deixe a sua equipe e o seu estoque preparados. E cada vez mais, o público chegará à sua loja com mais informações, então mantenha sua equipe atualizada sobre novos produtos e serviços da construção civil.

Marcas e fornecedores

Não é novidade que há várias marcas de produtos de construção no mercado, não é mesmo? No entanto, nem todas elas têm certificado. É preciso avaliar as opções para escolher marcas que sigam os padrões da Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT) — esse é um pré-requisito para os construtores.

Além disso, há marcas mais conhecidas, com mais qualidade, com preços maiores ou menores. Considere as soluções mais procuradas pelos seus clientes para oferecer a ele opções variadas. Assim, o consumidor poderá escolher peças de preços, materiais e estilos diferentes.

Bons fornecedores também são fundamentais para os resultados da loja. É importante estabelecer um bom relacionamento com os seus parceiros, pois o seu negócio dependerá do trabalho deles. Procure empresas que ofereçam produtos de qualidade, cumpram os prazos combinados e ofereçam as condições que você precisa, sem prejudicar a sua margem de lucro.

Mercado

O mercado também é outro ponto que não pode ser ignorado na hora de montar um mix de produtos. Antes de decidir o que você vai oferecer para os seus clientes, estude o seu setor e descubra quais são os seus concorrentes. Essa é uma excelente forma de saber quais estratégias têm funcionado bem, quais não têm e o que você pode implementar em sua loja para se destacar.

Ter um bom mix de produtos é muito importante para que sua loja tenha sucesso e absorva uma fatia maior de mercado. Essa etapa não é simples, mas é necessária para que você consiga fazer um bom controle de estoque, se prepare para atender às necessidades dos seus clientes e aumente o seu número de vendas.

Além dos esforços iniciais, saiba que também é preciso reavaliar o seu catálogo com frequência. A indústria da construção civil se inova constantemente, recebendo novos itens que podem ser a solução ideal para o seu público. Para não perder oportunidades, acompanhe as novidades do seu setor, analise o histórico de vendas e mantenha o seu mix de produtos sempre atualizado.

Quer mais dicas de varejo para a construção civil? Leia o artigo Experiência do cliente: 5 dicas para aplicar no seu PDV.