As grandes obras da engenharia estão em todo lugar. Conheça algumas delas nas cidades de Nova York e Copenhagen.

Algumas construções chamam atenção pelo tamanho, outras pela arquitetura diferenciada ou pela sustentabilidade. Seja qual for o motivo, as grandes obras da engenharia estão em todo lugar e podem ser uma verdadeira inspiração não só para engenheiros e arquitetos, mas também para os turistas que viajam justamente com o objetivo de conhecer o maior número possível de lugares que se tornaram destaque e até mesmo símbolos das cidades.

Nova York e Copenhagen são alguns exemplos disso, se destacando, entre outros motivos, por diversas obras. Quer saber mais sobre algumas delas? É só continuar a leitura.     

Nova York

Nova York é uma das cidades mais visitadas do mundo e um dos motivos para isso são suas grandes obras da engenharia e arquitetura, como estas que você pode conhecer a seguir.

Oculus

Fonte: Hufton + Crow

Inaugurado no início de 2016, o Oculus, também chamado de World Trade Center Transportation Hub, é uma estação de trem que também contém o shopping Westfield, com mais de 100 lojas e restaurantes. Isso tudo próximo do prédio One World Trade Center, onde ficavam as famosas torres gêmeas.

A obra foi criada pelo arquiteto espanhol Santiago Clatrava, que também foi responsável pelo Museu do Amanhã, no Rio de Janeiro. O formato da estrutura exterior é inspirado em um pássaro e chama atenção não só pela arquitetura, mas pelo custo: cerca de 4 bilhões de dólares, sendo considerada a estação mais cara do mundo. 

Hearst Tower

Fonte: Louis Grimace

Também de 2016, o arranha-céu Hearst Tower é considerado o primeiro edifício verde de Nova York. Construído a partir de um sistema conhecido como diagrid, ele utiliza cerca de 20% a menos de aço do que as estruturas convencionais, sendo 80% dele feito de material reciclado. Além da estrutura em si, o prédio também é sustentável ao explorar a iluminação natural e coletar água da chuva, consumindo 25% a menos de energia. 

 The Vessel

Fonte: NY Post

Fonte: NY Post

The Vessel é uma obra mais recente de Nova York, inaugurada em 2019. Ela faz parte do Hudson Yards Redevelopment Project, que une um shopping, um teatro e um observatório. A estrutura é um projeto do designer britânico Thomas Heatherwick e chama atenção pelo formato de favo de mel construído com aço. 

São 45 metros de altura, 16 andares, 154 lances de escada, 2500 degraus e 80 patamares para subir: as áreas são todas abertas e é possível apreciar a paisagem durante o tempo todo. A grande plataforma foi projetada por um estúdio na Inglaterra, construída na Itália e, por fim, transportada de navio até Nova York, custando 150 milhões de dólares. 

Leia também Projetos de engenharia: 7 grandes obras entregues em 2019

Copenhagen

Copenhagen é a maior cidade do país e capital da Dinamarca. Ela já esteve no Top 50 Cidades Europeias do Futuro e foi considerada uma das cidades com melhor qualidade de vida do mundo, além da mais ecológica. Suas grandes obras podem explicar o porquê.

Aarhus Harbour Baths

Fonte: Architect Magazine

Fonte: Architect Magazine

Construído em 2018, o Aarhus Harbour Baths transformou uma área que era reservada para fins industriais em uma experiência única à beira mar, aproveitando a água em todas as estações. Com diversas piscinas, restaurantes e atividades, além de uma passarela que se estende para a água, a estratégia da obra é proporcionar o máximo uso com mínima área construída, e o resultado é tão incrível quanto parece.

Amager Bakke

Fonte: Ehrhorn Hummerston.

Fonte: Ehrhorn Hummerston.

A Amager Bakke é uma obra com combinação inusitada: uma usina com pista de esqui na cobertura. Mais um exemplo de construção que aproveita o máximo espaço possível, a usina transforma lixo e resíduos em energia, fornecendo aquecimento e eletricidade às casas. 

Mesmo gerando energia limpa, as emissões de CO2 ainda existem e são feitas em forma de anéis de fumaça espaçados, com o objetivo de mostrar a poluição de um modo mais compreensível para o público  5 anéis representam uma tonelada do dióxido de carbono. 

 Operaen

Fonte: Visit Copenhagen

Fonte: Visit Copenhagen

Inaugurada em 2005, a Copenhagen Opera House é um dos espaços dedicados à ópera e ballet mais moderno do mundo. Com mais de 40 mil metros quadrados e 14 andares, sendo 5 subterrâneos, também é considerado o mais caro de uma casa de ópera: um total de 500 milhões de dólares. O projeto foi elaborado pelo arquiteto Henning Larsen, com a colaboração dos designers Per Kirkeby e Olafur Eliasson.  

Qual dessas grandes obras mais chamou a sua atenção? Além de se inspirar, é importante que você saiba como criar o seu cronograma de obra. Para isso, confira o nosso artigo, onde você conhecerá algumas etapas importantes.